Entendam

Deus não esta em templos, muros, placas, não! Ele esta dentro de você, NÃO somos pecadores desde que nascemos, isso é uma mentira, somos seres divinos e mágicos e temos essa essência masculina e feminina da fonte criadora dentro de cada um, não esta nas mãos de extraterrestres salvar o mundo, esta nas mãos dos seres que aqui habitam, o que eles podem fazer é auxiliar no processo, mas não virão aqui nos tomar pelas mãos como se fossemos bebês e nos DAR um planeta novinho em folha para destruirmos NOVAMENTE, ou aprendemos a tratar bem do nosso, ou seremos expulsos pela própria Terra.
Parem de buscar Deus em coisas materiais, se você não aprender a se respeitar, se amar, não vai encontrar Deus, vai se iludir, vai chorar, entrar em depressão e o pior não vai entender que a mudança começa de dentro para fora e que viver é um presente não um pecado ou castigo.
Como diria um anjo: "O amor é o sábio que nos guia" e como diria Gandhi " Não busque o caminho para a felicidade, a felicidade é o caminho."

Grande abraço a todos e Bem Vindos ao Life's Changing
Welcome - Bienvenido
Pri

DICA: ACESSEM AS ABAS "ARQUIVOS DO BLOG", TAMBÉM OS "MARCADORES" QUE ESTÃO EMBAIXO DO FIM DAS POSTAGENS OU "POSTAGENS POPULARES". TEM MUITA COISA SENDO POSTADA E QUE FICA PARA TRÁS SE VOCÊ NÃO SOUBER ONDE PROCURAR.
Bons estudos
Pri

Siga-nos por e-mail, a cada post novo, você recebe um e-mail

POSTS RECENTES

19 de setembro de 2011

A psicologia do medo

Por Rodrigo Moraes


"O medo é o que impede que tudo o que chega às maõs dos homens não se torne em sua propriedade. Basta produzir uma impressão que não se pode explicar, inserindo no medo o desconforto da culpa. É assim que milhões de pessoas podem ser pastoreadas nas ribeiras da paz por muito poucas. E nas trincheiras da guerra por outras tantas, senão as mesmas". Agustina Bessa-Luís, in "Antes do Degelo".


O medo é um fenômeno psicológico. Ele é criado dentro de nossas mentes a partir de uma combinação de traumas, expectativas e receios. Embora possamos tentar nos afastar dele, se a crença que o alimenta não for alterada ele continuará habitando nosso inconsciente. Não há como refugiar-se é preciso enfrentá-lo. Mas enfrentá-lo de que maneira? Primeiro aceite a idéia de que você possa realmente estar com medo e em seguida, busque toda informação possível que esclareça seus pormenores. Ou seja,COMPREENDA-O! Conhecimento é poder, lembra?!

O Medo adoece e emburrece, pois ele reprime suas emoções e sentimentos. Você se acoa e trava. A mente não funciona e você se torna um DEPENDENTE! Similar a um viciado.


Perceba no vídeo abaixo que tem uma cena do filme "Revolver" e que demonstra o Hemisfério Esquerdo do cérebro condicionado a não dar ouvidos ao Hemisfério Direito. Tudo precisa estar sob controle, ser controlável e previsível. Quando não há mais certezas, se perde o controle e a mente se desespera. O medo que nos é imputado pelo meio sistêmico em que vivemos, nos coloca nesses moldes sociais. Essa analogia com essas cenas desse filme, nos dá a dica de como fazer uma introspecção, uma reflexão e perceber que não há nada para ser controlado nem manipulado. Quem quer controle TEME! Quem manipula é com base no MEDO! A mente nos mente quando não se abre. Ela se fecha ao Hemisfério Esquerdo e nos prega peças, nos engana e nos ilude!

Ative a legenda no CC


"Há algo sobre você mesmo que você não sabe. Algo que você nega existir. Até ser tarde demais para fazer alguma coisa a respeito. É o único motivo pelo qual você levanta toda manhã. O único motivo pelo qual você aguenta o chefe intragável, o sangue, o suor e as lágrimas. É o porque você quer que as pessoas saibam o quanto você é bom, atraente, generoso, engraçado, maluco e inteligente. Tenha medo de mim ou me reverencie. Mas por favor, me considere especial. Compartilhamos um vício: a necessidade de aprovação. Todos nós queremos um tapinha nas costas e o relógio de ouro, o grito da torcida. Olha só o garoto inteligente com o brasão polindo o troféu. Continue brilhando diamante maluco! Afinal somos macacos de terno, implorando pela aprovação dos outros. Se soubéssemos disso, não faríamos isso tudo. Alguém está escondendo isto da gente e, se tivéssemos uma segunda chance, você perguntaria: por quê? O ego é o pior dos trapaceiros em que podemos pensar, em que podemos imaginar, porque você não o vê. O problema é que o ego se esconde no último lugar em que você procuraria: em si mesmo! Ele disfarça os pensamentos dele com os seus pensamentos e os sentimentos dele com os seus sentimentos. Você acha que é você. As necessidades das pessoas de proteger seus próprios egos não conhece limite. Elas mentem, roubam, enganam, matam, fazem o que for preciso para manter o que chamamos de fronteiras do ego. As pessoas não têm idéia de que estão numa prisão, não sabem que há um ego, não conhecem a diferença. Primeiro, é muito difícil para a mente aceitar que há algo além dela mesma. Algo mais valioso e mais capaz de discernir a verdade em si".

Despertar é ENTENDER que há um caminho ao meio, há um equilibrio que nos dá a chave para a verdadeira liberdade. Entender o medo nos faz capazes de transformá-lo em AMOR. Na cena do elevador, o personagem do filme percebeu e entendeu seu medo, e então em seguida "enxergou" que não havia nada a temer. Já o outro personagem pedia para ser temido, pois assim ainda permaneceria no poder e no controle. Quando não há temor, não há MEDO, e se não há medo, não há controle.

O sistema social construído e arquitetado em que baseamos nossas vidas hoje é baseado no MEDO. Somos forçados a temer perder nossos empregos, perder nossas casas, perder nosso dinheiro. Somos forçados a temer por nossa imagem preante as outras pessoas, perante a "sociedade". Somos forçados a temer sermos excluídos.  Daí, sem saída, muitos buscam subterfúgios nas religiões que também são mecanismos psicológicos baseados em medo.

"Na religião, o ego se manifesta como o "demônio" e, é claro, ninguém percebe o quanto o ego é esperto porque, ele criou o demônio para que você culpe o outro. Ao criarmos este inimigo externo imaginário, criamos um inimigo de verdade para nós mesmos e isto se torna uma ameaça real para o ego, mas isso é também criação do ego. Não existe nenhum inimigo externo, não importa o que a voz na sua cabeça diga. Toda a percepção do inimigo é a projeção do ego como inimigo. O seu maior inimigo, é a sua própria percepção, sua ignorância, o seu ego".

Em seguida temos David Icke descrevendo bem como funciona a mente "esperta" que é inteligente, mas não é sábia. A mente que não tem equilíbrio é fechada e por isso destrutiva. Perceba também nas imagens dos móveis do filme, que trazem uma simbologia egipcia e estátuas da genese, onde o homem é "tentado" pela "serpente". Um analogia bastante interesante que nos remete a pensar em nossa origem como espécie. Evidências não são provas, mas servem para que você compreenda o contexto de forma geral sobre um determinado assunto ou até unir pontos que o leve a refletir sobre todos os assuntos.




"Nós não podemos mudar nada sem que primeiro a aceitemos".
Carl Jung.


 Fonte:http://rmorais76.blogspot.com/2011/09/psicologia-do-medo.html

Recomendo também para leitura:
http://www.saindodamatrix.com.br/archives/2006/10/carl_jung_reloaded.html
http://www.assimfaloudenardi.com/2007/04/psicologia-do-medo.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário